Evento aborda existência de faixas etárias na leitura de livros

Nos dias 4 e 5 de outubro de 2012 será realizado o evento “Colóquio Internacional Proale I – Esses livros sem idade”, com o objetivo de discutir as conceituações que controlam a leitura de livros, que estabelecem, inclusive, idades apropriadas para leitura.

De acordo com a professora Nilma Lacerda, a principal questão a ser abordada é se um livro pode ter a faixa etária a que se destina, determinada previamente, ou se tal determinação cabe ao leitor.

Ela explica que o evento possibilitará, também, enquanto espaço acadêmico, apoio às políticas públicas de leitura, objetivando a fundamentação de conceitos necessários ao melhor aproveitamento do acervo oferecido às bibliotecas escolares, contato de professores e pesquisadores com criadores de literatura e de livros para crianças e jovens, trazer para o cerne da educação básica estudos relativos às práticas de leitura e de formação de leitores, alimentar, no âmbito da América Latina, diálogos entre professores, criadores e críticos de literatura para crianças e jovens. “Além do contato com um grupo de profissionais do livro de excepcional valor: autores, editores e ilustradores, professores e pesquisadores.  Esperamos que dúvidas e preconceitos em relação ao livro e à literatura possam ser esclarecidos”, relata.

Outro objetivo fundamental do evento, de acordo com a professora, é gerar contribuição teórica e prática para a formação docente da Educação Fundamental. “Este é um terreno aonde a escolarização da leitura, a simplificação das questões e a banalização do mercado podem acarretar estragos consideráveis”, enfatiza.

Ela aponta que são estas atuações junto ao magistério e aos professores em formação que podem transformar o quadro de uma sociedade que ainda apresenta baixos índices de leitura. “Com esta ação, esperamos contribuir no campo da produção contemporânea de literatura para crianças e jovens, com fundamentação teórica e crítica, que seja proveitosa à professora regente em suas práticas de leitura de sala de aula e de biblioteca escolar, na fundamentação de conceitos sobre o ato de ler e o papel do leitor nesse ato”, aponta.

Durante os dois dias de evento serão esclarecidas questões sobre concepções de criação literária, de ilustração em livros para crianças e jovens, discussão do papel do design nessas publicações, da circulação de obras nas bibliotecas, de forma a propiciar um corpus conceitual que permita ao professor posicionar-se com maior segurança no tocante às leituras em circulação no seu espaço de trabalho. Pretende-se possibilitar às professoras respostas coerentes e consistentes sobre as propriedades de uma obra, em sua oferta a leitores em formação.

Confira abaixo a programação do evento: