Dia do Cordelista

Nessa semana, dia 19 de novembro, comemora-se o Dia do Cordelista. Homenagem a quem dá brilho às histórias muito brasileiras, colhidas e criadas em todo o país, mas especialmente na região Nordeste. O outro nome do cordel é tradição. Mas tradição repleta também de transgressões, de expressões muito autênticas, de ironia, de poesia elaborada, por simples que pareça. A data vem do nascimento do poeta Leandro Gomes de Barros, em 1865.

Leandro Gomes de Barros é um dos ídolos do poeta Marco Haurélio – repare na camiseta que ele veste na entrevista! Pela Global, ele é autor do livro Meus romances de cordel e organizou a Antologia do cordel brasileiro, obras que apresenta nos vídeos abaixo.

Também fazemos a homenagem por meio do poeta Costa Senna, autor de Caminhos diversos sob o signo do cordel e Cordéis que educam e transformam, que no vídeo conta sua trajetória na vida, quase toda dedicada à criação e divulgação do cordel.